TODO PROFISSIONAL DEVE SABER

25/04/2012

TODO PROFISSIONAL DEVE SABER

Você é aquilo que você quer ser. Determine o que quer, veja onde está e o que o falta para chegar lá.


Mikaella Souza

 


É inegável o nível de exigência estabelecido por uma empresa ao contratar um funcionário. Mas não dava para ser diferente, pois o mundo é globalizado (mudanças constantes, clientes mais exigentes, avanços tecnológicos, serviços e/ou produtos com o ciclo de vida cada vez mais curto) e como medida eficaz, é indispensável ter no cenário corporativo,profissionais globalizados (flexibilidade, autocontrole, inteligência emocional, dinamicidade, pro atividade e estar buscando crescimento e novos conhecimentos, sempre), para que dessa forma, o negócio além de ser competitivo, seja sustentável.
Até aqui, nenhuma novidade. Entretanto, é válido ressaltar algumas verdades sobre o mercado de trabalho.


Do ponto de vista organizacional:


1 -
O colaborador deve reduzir custos – é o fazer mais com menos; ou mostrar resultados – as empresas nunca se “acomodam”, elas querem sempre mais;
2 - Hoje, o capital humano se exibe como fator crítico de sucesso, e por essa razão, as organizações bem sucedidas investem mais em treinamentos, capacitações, planos de carreira, programas de benefícios;
3 - Pela maior facilidade de ingresso em faculdades e universidades, o número de formandos anualmente é incapaz de suprir a necessidade do mercado, pois além do sistema educacional brasileiro ser defasado, muitos graduandos apostam na ideia arcaica de ter um diploma do Ensino superior, para obter certas “facilidades”;
4 - Existem vagas, bons salários, oportunidades de crescimento, porém falta mão de obra qualificada. Acredite, existem candidatos que se habilitam à vaga e nem se quer sabem ou procuram saber as mínimas competências e habilidades inerentes ao cargo ou área.

Não se assuste, esta é a realidade nua e crua. Porém, nada está totalmente perdido. Você como profissional deve saber:
1 - Não existem resultados sem esforço. Lute, seja comprometido com o seus interesses, obstáculos sempre vão aparecer, mas o “X” da questão está atrelado de como você os dribla;
2 - Para ficar para trás, basta não fazer nada;
3 - Pare de se preocupar em obter certificações demasiadamente, o conhecimento é importante, mas só vai agregar algum valor se você souber aplica-lo;
4 - Aproveite todas as oportunidades de aprendizado. Cursos, palestras, seminários, congressos, livros, workshops, entre tantos outros;
5 - Se onde você está, o seu trabalho não é reconhecido e/ou valorizado, saiba que falar mal da empresa não te ajudará muito. Tenha visão para identificar o momento oportuno de ir buscar outras possibilidades. Geralmente, o colaborador é quem deve se adequar à empresa e não, o contrário.
6 - Nunca esqueça: Você é aquilo que você quer ser. Determine o que quer, veja onde está e o que o falta para chegar lá. Invista em você!


Fonte: Administradores.com.br